Resenha: Maze Runner – Correr ou Morrer

Oi, gente! Hoje eu venho com a resenha de Maze Runner. Muitos blogs que eu conheço já falaram desse livro e como eu só li coisa boa a respeito, eu fiquei muito curiosa. Eu já tinha o livro desde Agosto (comprei na Bienal *-*) mas sempre colocava outro livro na frente até que agora em Fevereiro eu finalmente tive a chance de lê-lo! \o/

Image

Bom, Maze Runner conta a história de Thomas, um adolescente que um dia acorda dentro de um elevador escuro sem saber pra onde está indo, quem o colocou lá dentro e o motivo. A única coisa de que se lembra é de seu próprio nome. Ao chegar ao seu destino, Thomas se depara com vários garotos o encarando. Ele descobre que o lugar onde se encontra se chama Clareira e todos os meninos que ali habitam são chamados de Clareanos. Todos os Clareanos, assim como ele, também só se lembram de seus nomes. Passado o choque inicial, Thomas é tomado por uma imensa curiosidade pela Clareira e principalmente pelo imenso labirinto que a cerca. Nesse labirinto, habitam criaturas horríveis metade monstros/vermes e metade robôs que são completamente letais. Após poucos dias desde a chegada de Thomas, coisas estranhas começam a acontecer e todas essas coisas parecem ter alguma ligação com Thomas. Até que um dia, algo mais estranho ainda acontece: a primeira menina é enviada á Clareira. Como se isso já não fosse estranho o suficiente, ela traz consigo uma mensagem de que tudo vai terminar. A partir daí, tudo começa a mudar e os Clareanos iniciam uma corrida pra salvar suas vidas.

Particularmente eu achei o começo do livro bem parado e por várias vezes me desanimei. Até que lá pelo capítulo 10 mais ou menos, as coisas ficaram mais empolgantes. Quando o livro começava a cair na rotina de novo, outra coisa empolgante acontecia. A segunda metade do livro é pura ação e não dá vontade de parar de ler! 🙂

Anúncios

13 pensamentos sobre “Resenha: Maze Runner – Correr ou Morrer

  1. Oi! Achei interessante sua resenha!
    Vou querer ler e ver o filme qualquer dia desses!

    Ps: você mora no RJ? Estava na Bienal ano passado? 😮
    Eu passei maior sufoco lá! haha Beijos.

  2. Está é uma série que está na minha lista de desejados, confesso que me desanimo rapido se um livro não me prende no começo então fiquei “meio-assim” quando você disse que começa a fica bom depois do 10 capitulo. 😦

    Blog: nocantodaestante.blogspot.com.br

    • Sei como é, eu também sou assim, tanto que demorei um bom tempo pra ler. Mas depois do começo parado tem bastante ação então acaba compensando haha. Eu gostei bastante. Não mais que Jogos Vorazes ou Reiniciados (as últimas distopias que eu li) mas é legal 🙂
      Bj :*

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s